Mundo DSE
Cão no veterinário

Saiba com qual frequência você deve levar seu cão para o veterinário

Possuir o hábito de levar seu animalzinho ao veterinário é importante. Você ajuda a prevenir que seu pet fique em condições piores caso só decida o levar quando os sintomas começam a aparecer.

Fique atento aos cuidados que você deve ter com seu pet:

Quando levar seu pet ao veterinário?

Vai depender, principalmente, da idade e as condições de saúde dele.

Os filhotes, por exemplo, precisam fazer consultas de até quatro meses, para que possa completar sua carteira de vacinação.

Conforme adultos, as visitas se fazem menos frequentes, uma vez ao ano. Isso porque ele só precisará de reforços de vacina e fazer um check-up geral. Recomenda-se também, o período de seis em seis meses.

Quando o seu pet apresenta mudanças no comportamento de modo geral, como falta de apetite, tristeza e agressividade, além de sintomas como diarreia, vômito e dificuldade respiratórias, você deve ficar atento.

Nos casos de diarreia e vômito, o recomendado é levá-lo ao veterinário após 12 horas.

E em casos de problemas respiratórios, o período de visita ao veterinário se faz mais frequente.

Nos animaizinhos idosos, o recomendado é que se faça uma consulta semestral em uma clínica veterinária na zona oeste, mas pode variar com a orientação do médico veterinário.

O que é avaliado nas consultas?

Nas visitas de rotina, o médico veterinário irá examinar seu animalzinho e fazer perguntas sobre ele para você.

Seus exames serão clínicos e físicos, podendo fazer análises laboratoriais. Depois da análise, será possível começar o tratamento de possíveis doenças o mais rápido possível, e será constatado de forma geral a saúde de seu pet.

Serão constatados, por exemplo: exames de verminoses, medição da temperatura e hidratação, se é necessário a castração e vacinação, problemas oculares, obesidade, diagnóstico de doenças silenciosas, observar as mucosas, boca, orelha nariz e olhos, entre outros aspectos.

Então, os exames de check-up são requisitados. Envolvem testes bioquímicos, função renal e hepática das fezes e urina, além de envolver hemogramas. Depende do médico veterinário pedir outros exames.

Vale lembrar que as raças de seus animais atingem determinada faixa etária de forma diferente. E apenas um profissional veterinário poderá determinar com precisão com qual frequência você deve levar seu pet a consultas, baseando-se na individualidade de cada um deles.

Onde levar o pet?

Você deve escolher uma clínica de confiança que seja perto de sua casa. E mais importante ainda, que seja 24 horas, caso exista alguma emergência.

O ideal é que você leve seu pet desde filhote para fazer um acompanhamento no médico veterinário. Ou que sempre vá a mesma clínica, pois lá ficarão armazenados o histórico de saúde de seu pet.

A medicina veterinária previne doenças e auxilia que a vida de seu pet seja prolongada. Lembre-se de sempre consultar o médico veterinário periodicamente.

Existe o método de atendimento a domicilio, e isso pode se tornar uma saída mais fácil. Para os gatos, que são animais estressados, busque por profissionais que atendam desta forma.

Vale ressaltar que é de extrema importância que você leve seu animalzinho num profissional de higiene regularmente. Escolha os profissionais em que você confia, e que principalmente, possam atender seu pet sem agredi-lo.

Quanto aos banhos: você pode fazer em casa mesmo. Mas alguns cuidados específicos precisam ser feitos por especialistas na área.

Você deve pensar em todos os custos de saúde antes de adotar seu bichinho. Pois assim como a nossa qualidade de vida, com a deles nós também não podemos brincar.

Por isso a necessidade de demonstrar o quanto você o ama, leve-o regularmente ao veterinário. Isso será retribuído com muitos anos de vida ao seu animalzinho!

Editor

Olá! Sou o faz tudo do site (quase tudo). Apaixonados por internet, adepto das novas tecnologias e webmaster. Aproveite o conteúdo, pois todos os dias estamos postando algo novo. :)

Adicionar comentário