Mundo DSE
Homens perdoam mais a traição

Homens perdoam mais a traição (mas só se for com outra mulher!)

Os homens ocidentais têm mais facilidade de perdoar a traição se existir outra gata na jogada, assim diz uma pesquisa norte-americana.

Se a namorada trair com outra mulher parece que não é tão ruim ao homem, principalmente quando o cara tem uma possibilidade de também entrar na transa.

Porém, se a mulher sabe que o namorado a trai com outro homem as coisas não parecem ser saudáveis para a relação amorosa.

Estas são algumas das conclusões ao considerar os resultados de um estudo realizado na Universidade do Texas que contou com a participação de 720 estudantes, aproximadamente.

Após a pergunta efervescente sobre traição com outras mulheres, quase 52% dos caras indicaram que aceitariam a situação e perdoariam sem problemas.

Por outro lado, os homens mais conservadores representam 22% das respostas, indicando que perdoariam apenas se existisse a traição com outra pessoa do sexo masculino.

O Universo Feminino

Ao considerar as respostas das mulheres americanas que também participaram da pesquisa se pode dizer que 21% terminariam o namoro se a traição do namorado acontecesse com outro cara, ao passo que 28% encerrariam a relação se fosse com outra mulher.

A Análise Qualitativa

O medo de ter um filho de outro homem representa uma das principais alegações da infidelidade de namorada com outro homem.

As mulheres já indicam que a partir do momento que o namorado trai com outro homem existe uma grande evidência de insatisfação, ao passo que não vale a pena manter o relacionamento.

De forma resumida, os sentimentos de homens traídos ou mulheres traídas refletem em principal numa questão de ciúmes ou sensação de abandono, conforme indica o especialista psicólogo que chefiou a pesquisa, Jaime Confer.

Você concorda com os resultados? Discorda? Tem algo a mais para dizer? Então, deixe um comentário abaixo para informar sua opinião e colaborar para a democracia da informação.

Avatar

Renato

Paulistano, redator jornalístico e publicitário desde 2010. Atuo com conteúdos online para blogs/sites informativos, cartas de vendas e peças publicitárias.

Adicionar comentário