Mundo DSE

Cientistas descobriram como retardar o envelhecimento

Cientistas descobriram como retardar o envelhecimento
5 (100%) 1 vote
Cientistas descobriram como retardar o envelhecimento

Desde os primórdios o ser-humano possui um desejo intenso de descobrir formas de retardar o envelhecimento. Até no folclore esta fascinação está presente, considere por exemplo a história relacionada à Fonte da Juventude.

Mas, parece que pesquisadores dos Estados Unidos descobriram enfim a melhor forma de retardar o envelhecimento, com uma receita que envolve exercícios intervalados de alta intensidade e uma dieta saudável.

Proventative Medicine foi a instituição americana que divulgou o estudo que traça uma relação entre telômeros celulares e o envelhecimento dos seres-humanos.

Os telômeros das células possuem a missão de manter mais estabilidade no cromossomo e por consequência geram menos desgastes nos materiais genéticos.

Acontece que os telômeros diminuem todas as vezes que acontecem reprodução das células, o que por consequência gera envelhecimento nos seres-humanos.

Após analisar quase 6 mil adultos os cientistas descobriram quais são os principais fatores que interferem na diminuição de telômeros nas células.

Conforme os resultados, pessoas com rotinas de vidassaudáveis tinham telômeros mais largos, ao passo que participantes sedentários possuíam encurtamento nos telômeros celulares.

Na prática não se trata de uma informação nova o fato de que fazer exercícios prolonga a vida dos seres-humanos.

Porém, não é possível melhorar as condições celulares apenas com exercícios duas vezes por semana.

É preciso se exercitar 5 dias em cada semana por tempo de 40 minutos, de preferência nas práticas de exercícios intervalados de alta intensidade (HIIT).

O estudo indica que os adultos praticantes de treinos intervalados de alta intensidade possuem em média 10 anos sobre o envelhecimento na comparação com as pessoas sedentárias.

Fonte: Exame

Renato

Paulistano, redator jornalístico e publicitário desde 2010. Atuo com conteúdos online para blogs/sites informativos, cartas de vendas e peças publicitárias.

Adicionar comentário