Suplementos são necessários para ganhar massa muscular?

De acordo com um especialista em fisiologia e nutrição da Universidade de Queensland, na Austrália, suplementos caros podem não ser nada mais do que um desperdício de dinheiro.

O Dr. David Jenkins passou vários anos examinando aspectos relacionados à fisiologia do exercício de alta intensidade e a nutrição em relação ao exercício físico, e possui mais de 130 artigos publicados em revistas científicas revisadas por outros pesquisadores da área.

Ele argumenta que não há “nenhuma evidência de longo prazo” de que suplementos caros sejam melhor do que simplesmente beber leite aromatizado, por exemplo.

Considerações
O especialista explica que mais proteína não significa necessariamente mais músculo.
“Como os músculos são feitos de proteína, há um equívoco de que se você comer mais proteína, vai obter mais músculo”, disse. “Em princípio, isso é verdade, mas há duas considerações que são ignoradas”.

A primeira é que, desde que você tenha uma dieta saudável e equilibrada, você já vai consumir muito mais proteína do que realmente precisa. “Qualquer proteína extra que consumimos provavelmente não terá qualquer efeito adicional”, explica Jenkins.

A segunda é que a temporização das refeições em torno de treinos pode ser mais importante para o crescimento muscular.

“Ingerir 20 gramas de proteína de alta qualidade que inclui leucina e outros aminoácidos essenciais imediatamente antes ou após o exercício irá promover o crescimento muscular e reparação”, afirma o pesquisador.

O Dr. Jenkins sugere que, desde que uma fonte de alimento tenha os aminoácidos essenciais e seu tempo de ingestão seja cuidadosamente considerado, só isso será suficiente para proporcionar o ambiente adequado para o crescimento muscular, sem necessidade de pagar muito dinheiro por qualquer suplemento comercial.

O que achou? Deixe seu comentário!


0 comentários:

Postar um comentário