15 Curiosidades sobre Game of Thrones

O sucesso da história e do universo criados por George R.R. Martin é inegável. Atualmente na terceira temporada lançada pela HBO, Game of Thrones traz vários fatos curiosos, tanto da série quanto livros, confira agora as curiosidade sobre Game of Thrones.

"Game of Thrones é uma série de televisão americana criada por David Benioff e D. B. Weiss para a HBO. A série é baseada na série de livros A Song of Ice and Fire, escritos por George R. R. Martin, com seu título sendo derivado do primeiro livro."
Confira também:
Top 10 curiosidades sobre The Walking Dead
Conheça a serie Revolution
Top 10 melhores séries de 2012

Em sua terceira temporada, Game of Thrones é um sucesso de público e critica; cada capítulo é assistido ao vivo por quase 6 milhões de pessoas, sem contar os downloads ilegais. Para agradar os fãs, a HBO organizou uma exposição gratuita em cinco cidades. Mais de 70 objetos compõem a mostra, que já passou por Toronto e Nova York e segue para Amsterdã e Belfast. Em curta estadia em São Paulo, de 25 a 30 de abril, todos os 15 mil ingressos disponíveis foram esgotados.

Quando foi lançada em 1991, a série de livros de George R. R. Martin foi sucesso instantâneo   entrando de imediato na lista dos mais vendidos. Logo o autor foi contactado por pessoas interessadas em adaptar a séries para os cinemas, porém não aceitou nenhuma proposta, alegando que simplesmente um filme, mesmo que feito em uma trilogia, não poderia detalhar toda a complexidade da trama. Martin disse que o único lugar que poderia poduzir esta série era a HBO, mesmo sem tido nenhum contado por parte deles.

Os principais autres que serviram de inspiração para Martin foram Isaac Asimov, HP Lovrecraft, Tad Williams e J. R. R. Tolkien. Inclusive, por mais que os fãs inceitem uma possível rivalidade com "O senhor dos Anéis" semelhante a "Star Wars x Star Trek", o autor não incentiva de nenhuma forma.

O primeiro episódio da série Game of Thrones foi filmado duas vezes. Dentre os atores que fizeram parte do elenco original, mas que ficaram de fora da versão final, estão Tamzin Merchant (substituída como Daenerys Targaryen por Emilia Clarke) e Jennifer Ehle, cuja personagem Catelyn Stark passou para Michelle Fairley.

O desenvolvimento da série começou em 2007, quando a HBO adquiriu os direitos sobre A Song of Ice and Fire e contratou Benioff e Weiss como roteiristas. As filmagens da primeira temporada começaram em 26 de julho de 2010, com locações na Irlanda do Norte e em Malta. Para a segunda temporada, a cidade de Dubrovnik, na Croácia, foi usada para as cenas de Porto Real, ao invés de Malta. As cenas que se passam ao norte da Muralha foram filmadas na Islândia. O sucesso da série resultou em aumento no turismo da Irlanda. Outra produção televisiva recente também firmou locações lá, trata-se da série Vikings, produzida pelo History Channel.

A HBO contratou o línguista David J. Peterson, da Language Creation Society, para desenvolver a língua dothraki para ser usada na série. Em outubro de 2010, existiam mais de 2500 palavras no léxico da língua. Com o sucesso da série, existe uma crescente comunidade de adeptos do idioma, com sites que oferecem informações sobre ele.

George Raymond Richard Martin é o nome completo do autor. Ele nasceu no dia 20 de setembro de 1948, em Bayonne, Nova Jérsei, Estados Unidos. Além dos livros das Crônicas de Gelo e Fogo, escreveu A Morte da Luz (1977), Windhaven (1981), Fevre Dream (1982), The Armageddon Rag (1983), foi editor de Wild Cards (lançados entre 1987 e 2006), e escreveu o livro infantil The Ice Dragon em 1980.

George RR Martin sofre de problemas cardíacos e já foi hospitalizado algumas vezes. Sendo assim, ele já revelou aos produtores David Benioff e D.B. Weiss como pretende terminar a série, caso morra antes que ela termine.

Peter Dinklage, o Tyrion Lannister, já ganhou várias votações como melhor ator e seu personagem é um dos mais queridos. Ele foi a primeira escolha de George RR Martin e dos produtores. Não houve audições para o papel. Dinklage já era amigo de Lena Headey e a indicou para o papel de Cersei Lannister.

Peter Dinklage tem 42 anos e 1,35 metros. É casado e pai de uma menina. Antes de interpretar o anão mais carismático já visto em em um seriado, já era bem conhecido no cinema e televisão, fazendo participações em séries como 3º Rock from the Sun e Entourage, além de filmes como As Crônicas de Nárnia: Príncipe Caspian, A Natureza Quase Humana. Na primeira temporada da série, seu nome mal aparecia nos créditos, mas após levar o Emmy e o Globo de Ouro, a situação mudou: agora é seu nome é o primeiro a aparecer.

Mark Addy, interprete do rei Robert Baratheon, já foi Fred Flintstone em Os Flintstones: Viva Rock Vegas e participou do filme Ou Tudo ou Nada.

A maior parte do elenco não leu os livros. A maioria prefere não saber o que acontece com seus personagens, temendo que isso afete a sua atuação.

Sibel Kekilli, atriz que interpreta Shae na série, começou sua carreira de atriz no ramo dos filmes pornográficos usando o nome artístico de "Dilara".


George R.R. Matin enviou uma carta para Jack Gleeson, interprete do agora rei Joffrey, dizendo: “Parabéns pelo seu desempenho maravilhoso, todo mundo te odeia”. Todos que o conhece na vida real, afirmam firmemente que o garoto, ao contrário de seu personagem, é gentil e atencioso.

Game of Thrones no Brasil:

Atores em São Paulo
Para divulgar a exposição da série no Brasil, a HBO convidou dois atores da série para conversarem com a imprensa: Alfie Allen (à esquerda), que interpreta Theon Greyjoy, e Liam Cunningham, que dá vida a Davos Seaworth.

Bem humorados, os colegas de elenco falaram aos jornalistas na abertura da exposição em São Paulo. “Eu amo o Brasil”, disse o britânico Allen. Ele já havia visitado o país na infância, durante as férias, mas dessa vez pode se apaixonar pelas caipirinhas locais. Já o irlandês Cunningham afirmou que conhecia o Brasil por causa da Fórmula 1, esporte que adora. “Mas pelo o que vi, acredito que aqui é um lugar que todos têm que vir antes de morrer”, afirma.

Alfie Allen - Theon Greyjoy
Intérprete de Theon Greyjoy, Alfie Allen contou durante a exposição que entende porque a maioria das pessoas odeia seu personagem (que trai a família que o criou, os Stark), mas que não o considera um vilão.
“Acho que ele tenta fazer as coisas certas pelos motivos errados. Ele busca a aprovação do pai – e, no fundo, todos queremos isso”, disse. Rindo, Allen conta que leu apenas os dois primeiros livros da série, mas desistiu no terceiro porque seu “personagem quase nem aparece”. Sobre a terceira temporada, a cena mais difícil de gravar foi a sua primeira tortura. “Mas passo a temporada toda quase sem roupa, preso”.

Liam Cunningham- Davos Seaworth
Aos 51 anos, Liam Cunningham só têm uma reclamação sobre sua visita ao Brasil: foi curta demais. “Tenho um amigo que mora na Amazônia e adoraria visitá-lo, mas acho que não dá tempo”, disse.
Cunningham decidiu não ler nenhum dos livros da série e apenas seguir o roteiro da HBO. “São coisas diferentes: não poderia querer dar vida ao personagem do livro, se tenho que interpretar o personagem da série”, afirma. Sobre sua caracterização, ele diz que as roupas sempre ajudam a entrar no personagem. “Mas a primeira vez que olhei para o figurino cheio de camadas pensei: vou parecer gordo”, diz, rindo. “A parte que dá pena é ver a equipe criando peças lindas, que serão destruídas para parecerem usadas”, afirma.

Fontes: 1, 2, 3, 4

O que achou deixe seu comentário! Ah e aproveita e curte nossa página de fãs!



0 comentários:

Postar um comentário