Como iniciar e manter uma conversa com qualquer mulher

Uma das coisas mais importantes e que podem definir o jogo da sedução é a abordagem, portanto saber iniciar e manter uma conversa de maneira eficiente é vital para sucesso nesse jogo.


Uma das coisas mais faladas no jogo é a importância da primeira impressão, não somente na sedução, mas na vida em geral. Provavelmente já ouviu por ai a expressão: “A primeira impressão é a que fica.” Não concordo, pois é muito possível mudar as impressões iniciais, porém é complicado para uma pessoa que ainda não possui certa maestria nesse jogo, mas o importante é, se você pode causar uma boa impressão logo de cara para aumentar suas chances, faça. Para isso resolvi desenvolver esse pequeno texto com algumas dicas, confira:

- Originalidade
Não há dúvidas. As cantadas estão mais que batidas, não pense jamais em chegar numa mulher usando-se desse tipo de coisa, pior ainda se forem aquelas com elogio sujo sobre alguma parte do corpo dela. As mulheres não gostam de disso, é fato e se você ainda tem dúvidas pergunte a alguma delas se gostam daquelas cantadas imorais.
A coisa mais importante é ser original e esquecer as cantadas, principalmente as frases tão usadas como: “E ai gatinha?”, “Oi gostosa” e talvez a pior “Oi princesa”. Para acabar com isso e ter resultados é preciso usar sua criatividade para iniciar a conversa com algo original, pense em uma coisa, espontânea, divertida e acima de tudo diferente. Pode-se usar a combinação de diversas coisas para se iniciar a interação, porém esteja atento para não ser algo extravagante, nem algo que dê a entender que você está colocando-a num pedestal. Quanto mais divertido, único e espontâneo melhor.

- “Pescando” fatores para iniciar conversar
Uma das coisas mais importantes não só na área de sedução, mas nas relações humanos no geral é aprender a ler os sinais para imediatamente saber o que falar com pessoa x.  Na hora de abordar, você deve ter em mente o lugar que estão, os sinais corporais e reações dela, assim como o estilo pessoal dela.  Cada situação requer uma abordagem diferente, dependendo do lugar você pode ter mais ou autonomia para agir, em outras palavras ser mais direto ou ir aos poucos se utilizando de abordagens indiretas. A observação dos sinais corporais também é importante, ora se você lançou vários olhares e sorrisos e foi retribuído, então passa a ser desnecessário realizar indireta. O estilo pessoal da mulher lhe dá varias indicações de como abordá-la, basta abrir seus olhos e usar sua cabeça. Se a mulher em questão parece ser divertida, animada e que ri de tudo, você já pode iniciar uma conversa com algo engraçado, sem ser humor agressivo. Por outro lado se ela for do tipo muito inteligente, então já deve ir por outro lado, mais claramente falando você não deve chegar falando besteiras.

- Não deixe a conversa morrer.
É completamente normal que ao abordar uma mulher desconhecida você tenha que falar mais do que ela durante um tempo, ou até que ela sinta-se mais solta para falar mais. O mais relevante nessa etapa é que seus assuntos sejam legais para manter a conversa e que você não cometa o erro que vejo muitos cometerem por ai, que é o de ficar preso ao abridor da conversa. Não deixe-se fixar num só assunto, faça transições de assunto para outro sempre que achar necessário e faça a conversa se desenvolver, é preciso dirigir a interação até o ponto em que ela comece a se interessar pelo assunto x e comece a perguntar e comentar, esse será seu sinal de que as coisas estão indo bem e que ela está ficando interessada em você.

- Transições para conversas
Já recebi dezenas de mensagens por Facebook e por e-mail com caras me perguntado como progredir com a conversa, como mudar o assunto, como não deixar a conversa morrer e como não entrar naquele silencio constrangedor. A resposta para todas essas perguntas é muito simples, mas ainda do que vocês imaginam. Toda conversa tem um foco principal e seus secundários, então ao pegar qualquer assunto ou palavra dita é suficiente para dar continuidade à conversa, por ex. se ela falar em férias, logo vem uma tonelada de assuntos para prosseguir a conversa, como: viagens, festas, aventura e etc. E desses focos secundários surgem outros e assim sucessivamente. Interessante? Brilhante? Simples? Sim, tudo isso, mas de nada adianta saber isso e não saber mudar suavemente de foco principal para secundários. Para realizar a transição com suavidade pode-se usar algumas palavras simples, veja num exemplos de conversas imaginarias:

Ex. 1:
Você: O que você fez nas férias?
Ela: Estive com minhas amigas e... Fomos conhecer a cidade de Ouro Preto.
Você: Ah legal, engraçado você falar isso, pois me lembrou de (O novo assunto)

Ex. 2:
Você: Sabe gosto de acampar com os amigos e praticar Bungee jumping nas férias. O que você faz nas suas férias?
Ela: Eu adoro viajar com minhas amigas.
Você: Interessante você falar em (viajar), porque curto muito viajar e ir a festas (novo assunto ou história divertida)

No exemplo acima você pega uma das três palavras chave: adoro, viajar, amigas. E dá continuidade a conversa.

Ex. 3:
Ela: Ah estou tão cansada de tanto estudar e etc.
Você: E então, (novo assunto).

No exemplo 3 com apenas duas palavras que podem ser usadas em qualquer conversa e a qualquer momento para introduzir um novo assunto.

- Comunicação tranquila
Fale lentamente, pois sua maneira de falar demonstra muito de sua personalidade. Geralmente pessoas que falam muito rápido são principalmente as ansiosas e nervosas. Fale tranquilamente. Procure dar pequenas pausas enquanto fala.

Agora que você já tem uma boa noção teórica de como iniciar e manter a conversa não perca tempo. Aproveite e coloque em pratica tudo que aprendeu, mas não se esqueça de usar com cautela.

Mais dicas na nossa coluna de Sedução.

Abraço e até a próxima.


0 comentários:

Postar um comentário