Dieta saudável para um hálito fresco

Acordar com mau hálito de manhã é o que se chama de halitose fisiológica. A situação é natural, temporária e acontece mesmo durante o dia quando se passa mais de três horas sem comer, segundo a dentista Daiane Rocha. O gastroenterologista Ricardo Aires explica mais: ao se passar muito tempo sem comer, o organismo precisa de uma fonte de energia e a principal é a glicose. Com três a quatro horas sem comer, não há mais glicose e o organismo procura outra fonte de energia que são as gorduras, começando a queimá-la. Como resultado, há liberação de gases odoríferos e mau hálito. O problema pode se prolongar durante o dia com pessoas que fazem dieta descontrolada.

Além de não aumentar o intervalo das refeições, as pessoas devem ficar atentas ao que comem. As dietas ricas em proteínas que resultam em aminoácidos no processo da digestão, segundo Aires, podem ser decompostas pelas bactérias do intestino grosso, produzindo também gases odoríferos. Um exemplo é o excesso de ovos que são ricos em proteínas.

Como prevenção, deve-se abusar de alimentos ricos em fibras, como frutas, verduras, cereais integrais e arroz integral. A dieta tende a melhorar o trânsito intestinal, diminuir a proliferação de bactérias e, conseqüentemente, a liberação de gases. A maçã é uma ótima aliada do hálito saudável. 'Tem fibras e estimula as glândulas salivares, além de ter potencial detergente limpando a língua', frisa Daiane.

A ingestão de dez a doze copos de água por dia é outra boa recomendação. 'A ingestão de água deve ser fracionada durante todo o dia porque se você bebe tudo de uma vez, joga fora rapidamente', ensina Daiane.                           
[via]

0 comentários:

Postar um comentário