Nasa cria o material mais escuro que conhecemos


Pense na cor do piche – o material é dez vezes mais escuro! E porque a Nasa precisa desse material? Confira a resposta:

O material é feito de nanotubos de carbono criados sobre titânio. Assim que passar por alguns testes ele será usado para cobrir o interior de câmeras e telescópios no espaço. Por enquanto, a tinta que eles usam para isso, a Z306, acaba ricocheteando a luz e, muitas vezes, altera algumas medidas importantes que os aparelhos precisam fazer.

Isso faz com que 40% dos dados que a Nasa consegue sejam inúteis, por estarem contaminados com luz. Veja a foto abaixo – ela mostra a diferença entre uma imagem capturada com uma câmera revestida de Z306 e com outra revestida com os nanotubos:



O novo material absorve 99,5% da luz que chega nele, praticamente eliminando o problema. Segundo a Nasa, a tecnologia será usada na ORCA, um instrumento espacial que será usado para medir a fotossíntese marinha. [Via]

0 comentários:

Postar um comentário